sábado, agosto 30, 2003

E então pela laringe abaixo até atingir o calabouço estomacal. Hum... ácido. Bastante, ácido. Já as paredes se corroendo todas, nem sabem, coitadas, que vão receber uma bela feijoada completa. Feijão, orelha, couve, pé, laranja, focinho, arroz, torresminho. Pelo menos é light, se é que isso faz algum sentido. Ah, e não me deixe esquecer. Segunda-feira tem prova, sim, terminar o livro Miséria do Jornalismo Brasileiro. Já matou aula hoje. Sei que aula sábado é foda, mas ainda assim. Vagabundagem.


quarta-feira, agosto 27, 2003

Sai, sai, maldita nuvem, quero ver Marte!!


terça-feira, agosto 26, 2003

O problema dessa minha nova cabeleira é que nem tudo se adequa a ela. Meus óculos escuros, da Chilly Beans, até então ultra-fashion (uia!), me deixam agora com uma cara de pagodeiro/jogador de futebol que ninguém merece. Alguém afins de me presentear com óculos-novos-para-loiros?



blond power.




...



Alguém lembra do 'Dennis, o pimentinha?' Hahaha.



segunda-feira, agosto 25, 2003

pirataria já!

"-E a Rede Globo?

-É coisa nossa!



Quando a TV Manchete entrou em crise, sugerimos aqui que os funcionários se candidatassem à autogestão. Que se encontrasse uma fórmula, tipo cooperativa. A idéia volta com a crise da Globo, endividada e perdendo fôlego. Como cantaria o Sílvio, a Rede Globo "é coisa nossa".
Outra coisa não temos sugerido aos estudantes de comunicações que nos perguntam: que fazer diante dos monopólios da mídia neste país? Cotizem-se, lancem seu jornalzinho, abram sua rádio, montem até sua estaçãozinha comunitária de TV. Neste novo tempo que se descortina, sigamos a sabedoria dos mais velhos: abriu uma fresta na porta?, ponha o pé, que pelo menos fechar ela não fecha mais.

Democracia não é entidade acabada. É sempre um processo. Estamos melhores que ontem e temos obrigação de estar melhores amanhã. Olha o que a Anatel, Agência Nacional das Telecomunicações, vem fazendo contra a democratização das comunicações. Em 2002, só até outubro, tinha 'investigado' 673 estações de rádio. Resultado: 130 apreendidas pela Polícia Federal; 154 lacradas pela Anatel; 183 desativadas pelos responsáveis antes da chegada da repressão.

O establishment não bobeia. Ferreteia as comunitárias ou alternativas como 'piratas'. Pois então, 'pirataria' já! Por que um monte de lixo pode ir ao ar para o país inteiro e a garotada não pode exercitar-se na defesa das causas de uma comunidade?"

Mylton Severiano
para a revista Caros Amigos


domingo, agosto 24, 2003

É tão bom... Agora eu tenho motivo para ser burro. Nada como uma boa dose de ignorância artificial. E, se me perguntarem: Pintou seu cabelo de loiro? Nada. Fui tomar sol e ficou assim, acredita?
E meus sinceros agradecimentos a minha amiga fofa pelo excelente trabalho. Amocê, ju!